Marketing Esportivo na Seleção Brasileira

textos
Em seu novo artigo sobre Marketing Esportivo, Martin Avenatti, Gestor Esportivo e Diretor da Livia Esportes, fala sobre o ressurgimento da marca Brasil para o mundo do futebol.
 O artigo na íntegra pode ser conferido abaixo:
 “Durante a era Felipão e também a era Dunga, a imagem da seleção brasileira estava muito desgastada, tanto pelos resultados esportivos quanto pela má gestão dos processos esportivos e políticos, obtendo resultados negativos. O marketing esportivo da seleção brasileira ressurge com a chegada do excelente treinador Tite, que já deveria ter sido contratado assim que acabou a Copa do Mundo de 2014. O marketing cresce após uma sequência de resultados positivos e sendo a primeira seleção a se classificar para a Copa do Mundo de 2018. Os resultados positivos estão sendo obtidos através de um processo sério com recorrência de gestão esportiva. O marketing da seleção brasileira foi baseado durante anos no rótulo de melhor seleção do mundo através de suas conquistas, a partir do momento que está retomando esse lugar privilegiado começa a surgir novamente seu marketing esportivo reconhecido mundialmente.
A marca Brasil, assim como outras marcas esportivas de grande porte, é reconhecida mundialmente, mas estava desvalorizada devido aos fracassos esportivos e escândalos de corrupção no futebol.  Através de suas conquistas e trabalho sério de gestão, a marca Brasil volta a ficar em alta. Para se manter neste lugar privilegiado, é preciso dar sequência aos bons resultados esportivos e aprimorar a transparência política dentro da CBF”.
Martin Avenatti é Gestor Esportivo e Diretor da Livia Esportes. Martin foi atleta por 20 anos da seleção de basquete do Uruguai e também atuou em clubes da Nova Zelândia. Tornou-se educador físico e treinador. Na área da gestão, fez especializações internacionais e criou, em Porto Alegre, a Lívia Esportes com foco na qualificação e ensino ao mercado esportivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *